08/07/13 – Autorização para funcionamento do curso de Odontologia

O decreto descreve o seguinte: ?Fica autorizado o funcionamento do curso de Graduação em Odontologia ? Modalidade Bacharelado, a partir de 2015, no Centro de Ciências da Saúde, Campus de Jacarezinho, com as seguintes características: 25 (vinte e cinco) vagas anuais, funcionamento no período Integral, carga horária de 5.134 (cinco mil, cento e trinta e quatro) horas e prazo de integralização, no mínimo 5 (cinco) e máximo 9 (nove) anos, da Universidade Estadual do Norte do Paraná ? UENP, do município de Jacarezinho, mantida pelo Governo do Estado do Paraná. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação?.

Em sua visita a Jacarezinho no mês passado, o governador Beto Richa acompanhado do secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes, e do deputado estadual Pedro Lupion anunciaram a implantação do curso. A notícia arrancou aplausos do público presente no Cine Iguaçu e emocionou o reitor interino Rinaldo Bernadelli Junior. ?Esse mérito não é meu e sim de toda a comunidade. Desde 2008 estamos lutando para essa conquista. Na época, contamos muito com o apoio do então bispo de Jacarezinho, Dom Fernando José Penteado, que foi o primeiro reitor da Uenp. Além disso, tivemos a participação dos dentistas da região e também de equipes da própria universidade que elaboraram o projeto dentro das viabilidades que sabíamos que existiam. Este curso não é um presente. É um investimento que o governo do governo do Estado fez para toda a toda a região. Vai ser um avanço para a área da saúde?, disse.

O secretário João Carlos Gomes também salientou a região como grande beneficiária do curso. ?Estamos criando oportunidade aos jovens, que queriam fazer odontologia, mas que precisavam morar longe de suas cidades para realizar esse desejo. A partir de 20015, esse curso estará aqui, bem próximo de todos os moradores do Norte Pioneiro?, disse.

O deputado Pedro Lupion lembrou que quando soube que o projeto para implantação do curso de Odontologia não havia seguido os trâmites legais foi tentar viabilizá-lo. ?Conversei com os responsáveis pela elaboração do projeto e depois com o governador e com o secretário João Carlos Gomes. Eles pediram a Uenp para fazer uma atualização dos custos e assim que isso foi feito, o projeto foi aprovado pela secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. O governador achou viável e ficou feliz em poder proporcionar esse avanço ao Norte Pioneiro. Essa região agora realiza um sonho antigo, que é oferecer um curso desse porte aos jovens que não podem pagar uma faculdade particular?, comemorou.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *